Lula é citado 68 vezes na sentença que condenou Palocci

Mesmo não sendo réu na ação penal que condenou Antonio Palocci a 12 anos de cadeia, o nome do ex-presidente Lula é citado 68 vezes na sentença do ex-ministro, seja em trechos destacados pelo juiz Sergio Moro ou nas transcrições dos depoimentos que foram usados como provas para estipular as penas de cada réu. O ex-presidente da República deverá conhecer nos próximos sua primeira sentença na Lava-Jato, no caso da compra do tríplex no Guarujá.

Em um dos trechos da sentença, o juiz Moro, ao analisar o conteúdo de e-mails, cuida de identificar o personagem “italiano”, que tinha influência junto ao presidente Lula. “Percebe-se ainda que “Italiano” é a pessoa com acesso ao então Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o que é também o caso de Antônio Palocci Filho”, escreve o juiz. “Chama ainda a atenção a referência de que, apesar do veto, seriam cogitadas alternativas junto ao então Presidente, “tributárias e ou com a Petrobrás”, para compensar o Grupo Odebrecht, prova da intenção de solicitação de contrapartida ilegal em favor dele por parte do Governo Federal”, diz o texto.

Veja.com
12:20:54

2 Comentários

  1. E dai que ele foi citado 68 vezes o primo do Aécio foi filmado entregando uma mala de dinheiro pra ele, e o Aécio está livre como um pássaro junto com sua irmã, cadeia só para Petista!!

  2. A condenação de Palocci, é baseada só em delações, não há provas nenhuma do caminho do dinheiro e muito menos que o réu recebeu absurdo! O Juiz Sergio Moro, é um doente sua fixação contra Lula é palpável ele citou o Lula 75 vezes na sentença do Palocci, demostrando grave caso psiquiátrico, a classe trabalhadora não pode aceitar de forma nenhuma a condenação sem provas do Moro contra o Lula! reação tem que ser imediata e forte!!!

De sua opinião