Luciano Huck: “Temos de fazer política de perto e entender que o verbo servir tem de ser conjugado no tempo correto”

“Vocês já perceberam que nesses últimos meses não foram os mais calmos. Não sou candidato, mas não tenho como deixar de olhar o problema e não achar que não faço parte dele. Este País é extremamente desigual, se a gente não se preocupar de fato, a gente não vai ter mudanças de fato. Temos de fazer política de perto e entender o que o verbo servir tem de ser conjugado no tempo correto. Minha geração tem de se aproximar de fato e colocar a mão na massa”.

Eleito Brasileiro do Ano 2017 em Comunicação, Luciano Huck desempenhou um papel importante na formação de jovens no setor audiovisual.Embora tenha negado ser político em 2018, Huck admitiu afinidade com temas envolvendo política. Além do engajamento no cenário político, o apresentador desenvolve projetos sociais. Com o Instituto Criar de TV, Cinema e Novas Mídias, já formou mais de 2 mil jovens para indústria do audiovisual. O resultado das transformações possibilitadas pelo Criar rendeu o documentário “Na Quebrada”, celebração de seus primeiros dez anos de vida.

Istoé
15:40:00

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *